Pular para o conteúdo principal

[RESENHA] Harry Potter e o Cálice de Fogo - J.K Rowling


   E aí galera, como estão? Espero que todos estejam ótimos e que estejam lendo muitos e muitos livros. Hoje vamos falar do quarto livro da série de Harry Potter, que eu sei estou demorando muito para falar sobre ela e sim li somente agora, isso que faz um bom tempo que conheço a história do famoso Bruxinho e da famosa escola de Hogwarts. Deixando isso um pouco de lado vamos ao que interessa?

   Harry Potter está no seu quarto ano e desta vez a escola de Hogwarts irá sediar um dos maiores eventos do mundo do Bruxos, o Torneio Tribruxo. Mas antes deste grande torneio temos a maior competição de Quadribol que acontece em um lugar super escondido dos famosos trouxas.
Nesta competição acontece o que menos se esperaria, um ataque com o símbolo dos comensais da Morte, grupo que trabalha junto com aquele que não deve ser nomeado, ou seja, Voldemort. Sendo assim muitas coisas estranhas começam a acontecer no acampamento, que possui uma mistura de bruxos e outras espécies, já que este campeonato é um dos maiores do mundo da magia. E é com isso que Harry acaba perdendo sua varinha e descobre que foi por ela que conjuraram o símbolo do mal, mas de acordo com os que estavam lá Harry não havia em momento algum pego sua varinha e então ela é encontrada com um Elfo Doméstico, de ninguém menos que um dos participantes do Ministério de Magia.
   Depois de toda essa confusão, voltamos a Hogwarts para falar sobre o famoso Torneio que lá iria acontecer. Começamos com a chegada de duas outras escolas, Durmstrang e Beauxbatons, que competiriam com a escola de Hogwarts nesse Torneio, porém para que isso aconteça todos os alunos maiores de idade tinham que colocar seus nomes, se desejassem participar, em um Cálice de Fogo e assim que desse o dia o Cálice escolheria 3 Bruxos um de cada escola para que lutassem entre si e que vencesse o melhor destes.
   No dia da escolha algo de impressionante acontece o Cálice começa escolhendo os nomes, sendo eles Fleur Delacour da Beauxbatons, Viktor Krum de Durmstrang e Cedrico Diggory de Hogwarts e no exato momento que nenhum nome mais poderia ser escolhido o Cálice sorteia mais um aluno, Harry Potter. Todos se chocam com o caso, já que Harry por ser menor de idade não poderia ter colocado o próprio nome no Cálice e assim uma revolta entre os jogadores começa e ao mesmo tempo o Torneio.
   Neste livro observaremos como que são as provas do torneio e por fim o que mais interessa, quem será o bruxo que ganhará este Torneio, já que quem ganhasse além de ficar conhecido receberia muito dinheiro. A escrita da J.K, sempre nos emociona e coloca de uma maneira super intrigante para que os leitores não consigam parar de ler do começo ao fim e neste livro em específico, pois ela coloca duas situações muito grandiosas que fazem com que este seja um dos livros maiores, perdendo somente de tamanho para A Ordem da Fênix que também falarei aqui.
   Se a dúvida ainda é de se recomendo o livro ou não vocês já vão ficar sabendo, mas antes vamos falar da edição da Rocco, li na edição mais antiga dela com aquelas capas desenhadas e muito fofinhas. A fonte é super agradável, porém as folhas ainda são brancas o que pode em alguns momentos prejudicar a leitura, mas além disso a Editora está de parabéns! Agora vamos a nota que é o que todos esperamos, de 5 estrelinhas Harry Potter e o Cálice de Fogo levam exatamente 5 estrelas! Sim, gostei bastante do livro e recomendo para todos que ainda não leram esta maravilhosa história. Beijinhos e até a próxima!

Comentários