terça-feira, 10 de junho de 2014

Dama de Espadas - Carole Mortimer


   Boa Tarde pessoal! Tudo bem com vocês?
   Sei que sumi novamente e vou explicar antes de começar a resenha... Para aqueles que não me conhecem eu estou estudando de manhã e todos os trabalhos eu tenho feito no período da tarde, então como tenho ficado bem cansada, não tenho tido tempo para criar postagens e também para escrever e programar o blog, por isso acabei deixando de lado por alguns dias, porém a partir de hoje pretendo retornar mais vezes e também retribuir os comentários que outros blogueiros fizeram aqui no blog ^^. Espero que entendam e vamos então a resenha de hoje...
   Betsy, como é chamada por Sra. Wilson é a dama de companhia da Sra. Wilson e de seu cachorro Hector e vivia em Londres, mas por escolha da Sra. foi para um lugarzinho longe de Londres, mas bem perto de um romance que ultrapassará barreiras. 
   Elizabeth é uma lady, porém após a morte de seu pai acabou fugindo para não se casar com seu primo de terceiro grau Gabriel, ou mais conhecido por lorde Faulkner e nesta fuga acaba salvando o cachorro Hector, então conversa com a Sra. Wilson que lhe oferece um emprego de dama de companhia. Quando se mudam para o campo, Betsy foi encarregada de cuidar do sobrinho de lady Wilson, Nathaniel Thorne, que havia quebrado algumas costelas e tinha que se recuperar antes de retornar ao seus trabalhos como Lorde.
   No dia em que estava melhor Nathaniel vê uma linda moça lhe arrumando e também o seu quarto e acaba não resistindo e a puxando para um beijo. Como Betsy sabia que suas costelas ainda não estavam curadas por completo utilizou este ponto fraco para que ele a soltasse, mas não deixava de pensar em seus beijos que haviam deixado-a toda eufórica, mas não podia falar nada pelo fato de ser apenas uma dama de companhia.
   Sempre no fim das tardes, Elisabeth levava Hector para um passeio e naquele dia Nathaniel resolveu que não era seguro uma moça andar por lá sozinha, com vários bandidos por aí e decidiu ir com ela. Como sempre ela acaba tentando não conversar com ele e quando conversa acaba sendo rude e zomba dele, mas ele acha isso um atrativo que ela possui o que o faz também brincar e a puxar novamente para um longo beijo, que acaba com o fato de ela ter deixado a coleira de Hector escapar...
   Além de Nathaniel, Elisabeth acaba chamando atenção de todos os homens do lugar, principalmente Sir Rufus, que a pede em passeios muitas vezes, mas que é um homem muito grosso e que não tem sentimentos. Sir Rufus tinha um irmão e este irmão era namorado de uma moça que tinha largado suas filhas e seu marido para ficar com seu amante e esta história deixou Elizabeth muito curiosa, pois ela sua mãe havia feito a mesma coisa.
   Ao saber desta história Elizabeth acaba saindo mais vezes com Sir Rufus para descobrir se realmente era a mãe dela que era a paixão do irmão dele e se tinha sido mesmo seu irmão que a matara e depois que se matara ...
   Com quem Elizabeth ficará?

   “Este livro é realmente magnífico, conta uma história de época e nos deixa apaixonados pelo enredo. Nathaniel é lindo, porém tem uma personalidade muito forte e muitas vezes isso complica o relacionamento entre ele e Elizabeth, também podemos considerá-lo um homem ciumento e muito! Elizabeth é uma moça fofa e com pensamentos um pouco loucos e também não tinha muita opinião formada bem assim: eu quero, mas não quero, entendem? Sir Rufos parecer ser um cara super legal, mas odeia animais e além disso é grosso várias vezes, além de também ciumento e possessivo. Este tipo de livro é um dos que me agrada mais acho ele super fofo, mas tem algumas cenas mais hots (kkkk não podia faltar). Por esse motivo que indico para todos os fãs de romance e que adoram aqueles mais antigos!” T.P

   Espero que tenham gostado um abraço e estarei com vocês em breve para mais uma resenha *-*

16 comentários:

  1. Ai nem me fala, sempre prefiro estudar de manhã mas o tempo passa rápido a tarde também e quando vê não tive tempo pro blog. ahahahha Adorei a história não conhecia, mas quem sabe não leio um dia? Só fico meio assim por talvez não achar, mas vou tentar. Não posso deixar de comentar que gente que não gosta de animais não é de confiança! ahahah

    Beijos
    http://www.partesdeumdiario.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa Lúh, faz tempo que não tenho muito tempo para o blog, mas finalmente estou me acertando por aqui hahaha ^^.
      Amoo os livros das bancas *___* são perfeitos para diversas horas, e sim o problema é achar, pois não costuma ficar lá por muito tempo, mas acho que no site da editora deve ter e bem baratinho também :D
      Beijinhos
      T.P

      Excluir
  2. Oii, tudo bom?
    Nossa, já estava com saudades daqui o/
    Mas considerando sua vida agitada e corrida, dá pra entender perfeitamente.
    Às vezes é muita coisa e a gente quase surta, rs.

    Adorei a resenha, nunca tinha ouvido falar do livro, que vergonha!!

    Thati;
    http://nemteconto.org

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thati!
      Nossa minha vida estava muito agitada, mas finalmente estou conseguindo me organizar agora :D
      Obrigada pela visita e esse livro é demais vale muito a pena comprar :DD
      Beijinhos
      T.P

      Excluir
  3. Olha, mais um livro que eu não conhecia!
    Curti muito a sua resenha, parece ser exatamente o tipo de livro que vai me conquistar. <3

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Lu!
      Esse livro é demais e espero que goste *-*
      Beijinhoss
      T.P

      Excluir
  4. Não conhecia o livro, mas sua resenha me deixou bem curiosa :)
    beijos
    http://blogmaisumlivronaestante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Mirian!
      Adorei saber que te deixei curiosa hahaha :D
      Beijinhoss
      T.P

      Excluir
  5. Eu confesso que não curto muito romances de banca, por isso não me interessei pelo livro.

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Inês :D
      Uma pena que não goste de Romances de Banca :(
      Mas quem sabe um dia você acabe se interessando? Hahaha
      Beijinhoss
      T.P

      Excluir
  6. Oiee.

    Bom, não conhecia o livro, mas achei bem interessante e um dia quero ler.

    Beijos Fê :*
    http://fernandabizerra.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Fê!
      Leia sim e não vai se arrepender *____*
      Beijinhos
      T.P

      Excluir
  7. É um blog encantador encontrei o seu blog enquanto navegava pela net, não li muito, mas gostei do que vi e li,espero voltar mais algumas vezes,deu para ver a sua dedicação e claro sempre aprendemos ao ler blogs como o seu.
    Se me der a honra de visitar e ler algumas coisas no Peregrino e servo ficarei radiante, e se desejar deixe um comentário.
    Abraço fraterno.António.
    Peregrino E Servo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Antonio!
      Obrigada pela sua visita e é importante saber que tem pessoas que gostam da maneira como escrevo e como me dedico ao blog :D
      Claro que irei visitar seu cantinho e já está anotado ^^
      Abraços
      T.P

      Excluir
  8. Pior que to nesse mesmo barco, ando muito cansada para conseguir me dedicar ao blog como deveria. Essa vida de estagiar durante o dia e ir pra faculdade a noite está acabando com meu fôlego kkk

    Não conhecia este livro e devo dizer que a primeira vista ele não faria muito meu estilo, mas depois de ler sua opinião a respeito, acho que comecei a me interessar por ele :D

    bjs
    http://www.confraria-cultural.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ale!
      Nossas vidas sempre são corridas e o blog é quem mais sente. É uma pena quando não sobra tempo para fazermos mais por ele :(.
      Adorei saber que te fiz interessar por este livro *-*
      Beijinhoss
      T.P

      Excluir